alt="Inicio"
Entrada
CONCERTO DE FIM D´ANO Imprimir e-mail
pedro O auditório do Fórum Jovem da Maia acolhe no próximo dia 30 de dezembro, pelas 21h30, para Concerto de Fim de Ano, um Recital de Piano pelo pianista Pedro Emanuel Pereira, numa organização do Pelouro da Juventude da Câmara Municipal da Maia

O programa é composto por obras de D. Scarlatti, Sonata em si menor, L33; J. Brahms, Variações e Fuga sobre um tema de Handel, op. 24; C. Debussy, Estampes, Pagodes, La soirée dans Grenade, Jardins sous la pluie; e S.Rachmaninov, Seis Prelúdios op. 32 e op. 23, Op. 32 no.10 em si menor, no.12 em sol sustenido menor, no. 8 em lá menor, no. 5 em Sol Maior, Op. 23 no. 7 em do menor, no. 5 em sol menor.


Pedro Emanuel Pereira é um jovem pianista, natural de Guimarães, onde nasceu em 1990.
Com apenas 5 anos de idade começou os seus estudos de música aprendendo piano. Três anos mais tarde ingressa na classe do professor Marian Pivka, e com ele, termina o curso complementar de música, na sua terra natal.
Em 2008, obtém uma bolsa de estudo por parte da Fundação Calouste Gulbenkian e muda-se para a Rússia, passando a estudar no Conservatório de Moscovo P.I. Tchaikovsky na classe da prestigiada pianista Vera Gornostaeva. Em 2014 termina o curso com a mais alta distinção.
Com apenas 15 anos de idade, venceu a categoria superior até 24 anos, do Concurso Internacional de Piano "Cidade de San Sebastian", em Espanha. Um ano mais tarde estreia-se a solo na Casa da Música no Porto.
A estes prémios seguiram-se outros primeiros prémios em competições como o Concurso de Piano "Florinda Santos" em S. João da Madeira, o Concurso Internacional de Piano "Cidade do Fundão", o Concurso Internacional de Piano "Cidade de Vigo", Espanha, o Concurso Internacional de Piano "Richard Vines" em Lleida, Espanha,  e ainda o primeiro prémio e prémio Hvorostovsky no Concurso Internacional para Piano e Voz "PianoVoce" em Moscovo, Rússia, juntamente com a mezzo-soprano Anna Viktorova.
Durante os seis anos em que estudou no Conservatório de Moscovo, teve uma intensa atividade como concertista tendo sido convidado a atuar por toda a Rússia, quer a solo, quer com orquestra, quer em grupos de câmara. Tocou em salas de concerto como o Rachmaninov Hall, a Grande Sala da Academia Gnessin, a Pequena Sala do Conservatório de Moscovo, o Grande Auditório do Conservatório de Moscovo, o Museu Sviatoslav Richter, o Museu "Pushkin" de Belas Artes, e ainda no Kremlin de Moscovo.
Atuou com inúmeras orquestras, entre elas a Orquestra de Câmara "Kremlin", a Orquestra Sinfónica de Kazan, a Orquestra Sinfónica de Tomsk, a Orquestra de Câmara de Kaluga, a Orquestra do Conservatório de Moscovo, a Orquestra Internacional Filarmónica de Moscovo e a Orquestra Filarmónica de Novosibirsk. Colaborou com maestros como Artun Hoinic, A. Levin, Borja Quintas, João Tiago Santos, Feihu Tsao e Misha Rachlevsky.
A sua carreira internacional tem-lhe proporcionado atuar um pouco por todo o mundo, tendo tocado em reconhecidos festivais em países como Alemanha, Dinamarca, Eslováquia, Espanha, E.U.A., França, Índia, Itália, Países Baixos, Portugal, Rússia, Suíça e Ucrânia.
Desde Setembro de 2015, encontra-se a viver nos Países Baixos, onde estuda no Conservatório de Amsterdão na classe do professor Naum Grubert. Tendo sido considerado o melhor aluno de mestrado a ingressar nesse ano, foi-lhe atribuída uma bolsa de mérito por parte da Fundação Jacques Vonk.

A entrada é livre.

 

dezembro 2016
 
Advertisement
Advertisement
 
Advertisement
 
Advertisement
Advertisement
 
 
 
Advertisement
 
 
 
 
 
 

FJ
CA
LJ
GAAPP
AJM
CMJ

Meteorologia

O Tempo na Maia

O Pelouro no ...

logo twitter  
 

Localização

Mapa

 
Advertisement
 

Difusão de Notícias